gente pouco abraçada

Parece mentira
Mas foi um engano essa infância
De cerejas.

O pior de tudo
Foi um furo no pneu.

Havia a minha bicicleta
E isso foi muito importante.

O mesmo será dizer que andei por aí
A buzinar aos cães e aos velhos
E a fazer trim
Nos trilhos das formigas.

Por outro lado, não há mais mundo.
Há somente espelhos e fotografias mal reveladas
E gente pouco abraçada.


Rui Pedro Gonçalves