do ser vários

O Guru Brahmin era dois homens macambúzios e uma jovem secretária muito viva. Um dos macambúzios escrevia a coluna, e o outro, um Sr. Slump, tratava das cartas que pediam resposta em particular. À hora a que vieram trabalhar já a secretária havia separado as cartas e lhas pusera nas respectivas mesas. O Sr. Slump, que era sobrevivência dos tempos da Tia Lídia e conservava esse estilo, tinha em geral um monte mais pequeno, pois que a maioria dos correspondentes do Guru Brahmin gostava de ver publicadas as desditas. Dava-lhes uma sensação de maior importância, e por vezes levava a uma correspondência com outros leitores.


Evelyn Waugh, O ente querido