diálogo esquisito

- O que é o tempo?
- Um martelo de plumas.

- O que é a vida?
- A eterna ausente.

- O que é a família?
- Uma catástrofe. Loucura circular histérica com convulsões de penitência.

- Quem é Deus?
- Um pobre Diabo.

- Que faz ele?
- Sobrevive sempre às suas vítimas.

- Onde mora?
- Num tinteiro.

- O que é Portugal?
- Uma cave cheia de mofo.


cadáver-esquisito de Ernesto Sampaio com João Rodrigues, Feriados Nacionais